top of page

Piso da Enfermagem: SES discute soluções para tornar mais eficientes os processos de pagamento do complemento salarial

Encontro reuniu 50 profissionais de 12 órgãos e vinculadas. Objetivo é estabelecer estratégias mais eficientes para 2024

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SESMG) realizou, na sexta-feira, 19/01, em Belo Horizonte, um World Café para alinhar orientações e tornar mais eficiente o processo de pagamento do piso salarial nacional para enfermeiras, técnicas em enfermagem, auxiliares de enfermagem e parteiras. Além disso, o encontro discutiu a gestão das informações e a prestação de contas dos recursos.


“O objetivo da reunião foi discutir o que foi estabelecido e alcançado em 2023, avaliando os percalços vivenciados para operacionalizar o pagamento do piso em Minas. Buscamos também um olhar para frente, definindo estratégias para melhorar o processo em 2024. Já avançamos muito, e precisamos alinhar com todos os envolvidos no processo para avançarmos ainda mais”, explicou a secretária adjunta de Saúde, Poliana Cardoso Lopes.


Participaram da iniciativa mais de 50 profissionais responsáveis por operacionalizar os pagamentos em 12 órgãos do Poder Executivo estadual: Secretarias de Estado de Saúde, de Planejamento e Gestão, de Justiça e Segurança Pública e de Fazenda, Advocacia Geral do Estado, Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Fhemig), Fundação Hemominas, Fundação Ezequiel Dias (Funed), Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg), Unimontes, Instituto de Previdência dos Servidores Militares do Estado de Minas Gerais (IPSM) e Polícia Civil.


Segundo Poliana Cardoso, a SES-MG tem buscado otimizar, corrigir os erros e tornar o processo mais eficiente. “Estamos trabalhando para melhorar cada vez mais a gestão dos pagamentos, dando mais fluidez e celeridade ao processo para atender esses profissionais com ainda mais eficiência”.

Comments


bottom of page