top of page

Homem é indiciado por homicídio qualificado após atropelar mãe de duas crianças em Cataguases


A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) concluiu o inquérito policial que apurou as circunstâncias que provocaram o acidente de trânsito que culminou com a morte de uma mulher, de 35 anos, em Cataguases, na Zona da Mata.


Os fatos ocorreram no dia 2 de julho deste ano, por volta das 20h20, quando o suspeito, de 23 anos, dirigindo uma caminhonete em alta velocidade no bairro Colinas, atropelou a mulher, que morreu no local. A vítima era casada e deixou duas crianças.


A perícia técnica da PCMG analisou as imagens coletadas durante as investigações e concluiu que o veículo conduzido pelo suspeito estava a uma velocidade de 93,6 km/h no momento do impacto.


As investigações apontaram, ainda, que no dia do fato, o investigado fez uso de bebidas alcoólicas e entorpecentes desde as 11h, fato que perdurou durante o decorrer de todo o dia, até instantes antes do acidente.


O suspeito foi preso em flagrante, em Juiz de Fora, cerca de 120 quilômetros do local do acidente. A prisão do suspeito, indiciado pela prática dos crimes de homicídio doloso qualificado, desacato, embriaguez ao volante e por fugir do local do acidente, foi convertida preventivamente pela Justiça.


Comments


bottom of page