top of page

Escolas Estaduais de Leopoldina iniciam hoje volta gradual dos alunos

Nos municípios em onda amarela ou verde, está autorizada a volta dos alunos do 8º ano e do 2º ano do ensino médio. O retorno é seguro, gradual, híbrido e facultativo, com alternância de uma semana presencial, uma semana remota.


Mais alunos da rede pública estadual de Minas estão autorizados a voltar às salas de aula a partir do dia 9 de agosto. Na segunda-feira, as escolas que fizeram o acolhimento dos professores na semana anterior estão autorizadas a receber os alunos para as atividades presenciais. Com o início do 3° bimestre e as alterações das ondas de classificação do programa Minas Consciente, novos anos escolares puderam ser incluídos na retomada. Com todo cuidado e segurança, respeitando rigorosamente os protocolos sanitários da Secretaria de Estado de Saúde, a rede estadual passará a contar com 1.496 escolas estaduais, de 224 municípios, reabertas para receber alunos e professores.


Nas unidades de ensino localizadas nos municípios inseridos nas ondas amarela ou verde, além das turmas dos anos iniciais - 1º ao 5º ano -, do 9º ano e do 3º ano do ensino médio, que já haviam sido autorizados a retornar, também se juntam a essas séries escolares as turmas de 8º ano e 2º ano do ensino médio. No caso do Ensino Médio de Tempo Integral, retornam os estudantes do 2º e do 3º ano. Também estão autorizadas a voltar às salas de aula as turmas do último período/semestre dos cursos profissionalizantes e do último período da Educação de Jovens e Adultos (EJA).


As escolas estaduais de Leopoldina são: EE Augusto dos Anjos, EE Doutor Pompílio Guimarães, EE Emílio Ramos Pinto, EE Enéas França, EE Justiniano Fonseca, EE Luiz Salgado Lima, EE Marco Aurélio Monteiro de Barros, EE Omar Resende Peres, EE Professor Botelho Reis, EE Sebastião Medeiros, EE Sebastião Silva Coutinho


Com as atualizações nas ondas do Plano Minas Consciente da última quinta-feira (05/08), todas as regiões do estado seguem aptas para o retorno das atividades presenciais nas escolas da rede pública estadual, desde que não haja impedimento por parte da prefeitura da localidade.


Vale sempre lembrar que o retorno das escolas da rede estadual de Minas é seguro, gradual, híbrido, facultativo e foi planejado, com todo o cuidado, para garantir o cumprimento dos protocolos sanitários e transmitir a segurança e confiança necessárias a alunos, funcionários, pais e responsáveis. No modelo híbrido de ensino, há alternância de uma semana com atendimento presencial na escola e outra apenas com o atendimento remoto. Ou seja, as turmas que desenvolveram atividades na escola durante esta semana, serão atendidos de forma remota na próxima semana, por meio das ferramentas do Regime de Estudo não Presencial.


O novo passo só foi possível graças à melhoria dos índices epidemiológicos e do acompanhamento realizado das primeiras unidades de ensino que reabriram, que reforçou, assim, a segurança dos protocolos e do checklist de preparação para o recebimento de professores e alunos e a boa aceitação da comunidade escolar como um todo.


コメント


bottom of page